09/06/2005

Dica da semana



Aqui fica uma crónica bem ao género de uma dessas revistas que apelam ao “vá para fora cá dentro”.

Assim foi o que fizemos na passada 3ª feira em que os trabalhadores do concelho de Oeiras tiveram direito a feriado municipal.

Saímos de casa por volta das 9:30 de chapéu-de-sol, toalha e farnel rumo à Praia Grande. Depois de umas horas a lagartar ao sol saímos, por volta das 13:00, com o objectivo de chegar a Torres Vedras a tempo de ver a famosa porca, tão falada no papeisportodolado.

Passámos pela Ereiceira e reforçamos o farnel no bar do Ribeira d’ilhas Surf Camp, na praia de Ribeira de Ilhas saindo de barriga cheia e com o sol a queimar as pestanas em direcção à terra dos pastéis de feijão.

Visitado o centro de Torres Vedras e a famosa porca (que hoje deve estar em Viseu) saltámos directamente para a costa e caímos na Areia Branca para, depois de uma banhoca e uma soneca na praia nos refastelarmos com o melhor dos pitéus: as batatas fritas de Vale Frades.

Como dizem os surfistas aquilo é um “secret spot” e é só para quem merece. Não posso revelar a localização sob pena de se perder o encanto e genuinidade da coisa.

Voltei no dia seguinte ao trabalho com a sensação de que tinha passado uma semana de férias. Não vale a pena gastar fortunas no psicólogo. Basta um dia assim que a vida parece logo mais fácil. E está mesmo aqui ao lado, ao alcance das nossas mãos. É só agarrar numa qualquer agenda cultural de uma qualquer cidade do país e misturá-la com gastronomia, sol e água salgada que se obtém um prato cheio de coisas boas que nos fazem bem ao corpo e à alma.

Vá lá... larguem o teclado e vivam a vida lá fora que ela está à vossa espera.

Eu vou até ali aos Pirenéus e já venho.





(fotos de Ana Ventura)

1 comentário:

manamagana disse...

O gajo tinha razão, pensou ela franzindo a testa e batendo ao de leve no teclado. Apetecia inventar qualquer coisa e pisgar-se dali para fora. Sal, sol, batatas fritas, águinha boa e areia ainda melhor. Não teve com meios modos e procurou na net (que é como quem procura no mundo todo) uma boa desculpa para desaparecer. Escolheu, reflectiu, discutiu, clicou no ok e pirou-se para o Brasil. Afinal de contas, há dias que estão destinados a ser bem maiores e os Pirinéus pareciam demasiado aqui ao lado.
beijos e boa viagem